segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Fazendinha

Um excelente dia! Tentamos ir antes, mas estava fechado. Dessa vez, eu e Gabriel chegamos por volta das 11h.
Primeiro, vimos uma vaca que não quis saber de conversa. Ela virava de costas toda a vez que tentávamos falar. Depois, nos deparamos com os patos tarados, literalmente. Logo, seguimos para dentro da fazendinha. Encontramos os tucanos: "oi, tucano, tudo bem com você?", disse Gabriel para um deles. Adiante um escorrega bem grande com uma longa ponte de madeira foi o maior sucesso do dia. Ali gastamos boa parte do tempo.
Já o primeiro contato mesmo com os animais aconteceu com os cabritos. Arrumei algumas folhagens e meu filhote começou a alimentá-los. Ficou maravilhado.
Colocamos a mão no cavalo de uma charrete, mas não quis andar. Fomos a casa dos porquinhos que mamavam de maneira voraz na mamãe e expliquei que a coruja que ele via, era um avestruz. Rs...
Pausa para o almoço e continuamos a brincadeira... Encontro com uma cobra, que Gabriel pouco deu bola, e hora de dar comida à vaca.


Um banho no chafariz com direito a visita de um porco imundo foi, claro, uma farra.
Imprevisto: as fraldas acabaram. "Agora o Gabriel vai usar a fraldinha da mamãe", disse eu improvisando meu absorvente no short dele. Hahahaha, tadinho, estranhou. Enfim, não imaginava sair dali quase 4 da tarde. Entrou no carro e em menos de um minuto apagou!
Um dos melhores programas para o meu picoto.

Nenhum comentário: