terça-feira, 24 de agosto de 2010

Geek

Gabriel viciou em um joguinho do iphone e agora não quer saber de outra coisa. O lado bom é que ontem, com ele babando sobre o visor, conseguimos comer um carpaccio no Gula Gula. Uhuuuu....Vitória!
.
(essa foto foi tirada em casa)




terça-feira, 17 de agosto de 2010

Um Aniversário para não se esquecer

Os 39 graus de febre que irromperam pela madrugada de sábado foram só um aviso de que a festinha de aniversário do Gabriel no domingo não seria apenas mais uma comemoração qualquer. Febre alta, vômitos, corisa e muita tosse fizeram que ele ficasse praticamente impossibilitado de comparecer ao Kid's Park. Tentamos adiar a decisão o máximo possível. Domingo, faltando duas horas para a festa começar, chegou a hora de tomar as providências: eu fui para o local avisar os convidados que poderiam aproveitar a festa mas a vinda do anfitrião era uma incógnita. Fernanda veria se ele teria alguma melhora que pudesse ao menos fazer com que ele comparecesse e assistisse ao seu "parabéns". Afinal, passamos a semana inteira falando disso. Graças a Deus, foi assim que tudo aconteceu. Ele chegou e ficou não mais que 25 minutos. Brincou alegremente: certamente ficar em casa estava sendo muito chato. Adorou o parabéns e ficamos felizes em vê-lo ao menos sorridente e sem "cara de doentinho". O Kid's Park foi uma ótima escolha para nós: perto de casa, fomos muito bem atendidos e tudo correu muito bem. A decoração escolhida foi a do filme Carros, da Disney. Não que ele goste do filme mas por adorar carrinhos, hotwheels e qualquer coisa que tenha quatro rodas mesmo.

Amigos do prédio, da creche, filhos de nossos amigos e principalmente a família estiveram lá para deixá-lo super contente. Tiramos muitas fotos e filmei um pouco para que ele se lembre com carinho desta data. Parabéns, filho! Esta foi a primeira de muitas festas de aniversário que você dará.

Hoje já é terça feira e ele ainda não melhorou embora a febre alta já tenha ido embora. Virose, esta palavra que serve até para unha encravada, diz o pedriatra. É ter paciência e esperar que ele sare logo. Preferimos colocar aqui somente a foto dele pois nós é que parecíamos doentes ao final de tudo.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Feliz Aniversário, meu filho

O dia começou cedo para todos nós. Você acordou às dez pras sete da manhã, resmungando um pouco. Sua mãe foi na sua cama e viu que você só queria um chamego. Não deu outra: dormiu mais uma hora e meia com ela ao seu lado. Nem saiu do quarto para ver a festa que preparamos. No entanto, quando finalmente acordou, abriu um sorriso ao ver tantos balões espalhados pela casa e um bolo estrelado te recebendo com sua velinha de 2 anos! Soprou forte após cantarmos parabéns e seguiu para a escola. Lá, teve um dia lindo comemorando com os amiguinhos e, novamente, soprando mais velas do bolo. Pegamos você à noite e brincamos com seus novos brinquedos até você cair de sono. Agora, você já sabe fazer o número 2 com os dedos, diz orgulhoso que tem dois aninhos e, prepare-se, o melhor da festa ainda está por vir neste domingo!

Te amamos!

papai e mamãe

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Late, Gatinho!

Chego em casa e ele está falando com a Fernanda:

- Late, Gatinho! Late, Gatinho!
- Não filho, gatinho faz miau. Gatinho mia! - tentei explicar
Ele me ignorou e continuou falando com a mãe:
- Late, Gatinho! Late, Gatinho!

Foi então que descobri: Minha mãe havia lhe apresentado o chocolate Língua de Gato, da Kopenhagen em sua última visita. Ou seja, transformou o netinho num chocólatra! Naquele momento, ele estava pedindo à Fernanda um pouco mais do "Chocolate do Gatinho". E eu, que havia viajado, não estava entendendo nada de nada mesmo. Entretanto, vendo a caixa do bendito chocolate, tudo fez mais sentido!

Primeiro acidente mais sério

Gabriel se machucou nesta sexta feira. Bateu de cabeça na quina da na cama e acabou abrindo um corte no supercílio. Não estávamos em casa. Eu estava numa cidade a quatro horas de distância e Fernanda largou o trabalho assim que soube do ocorrido. Por sorte não foi preciso suturar, o que daria de 3 a 4 pontos. Pelo tipo de corte, optamos por uma sutura adesiva. Apesar do susto, ele está ótimo, feliz e peralta. Ganhou sua primeira cicatriz.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Xuxa

Por quase 2 anos evitei que Gabriel escutasse a Xuxa. Nada contra a pessoa, bem pelo o contrário. Acho que a moça tem uma luz, é especial; mas aquela VOZ..... Me irrita! O tom meio agudo, com jeitinho de criança, e a cara de quase uma senhora...
Enfim, fato é que não aguentei ao apelo comercial e agora Gabriel tem assistido aos DVDs da loira. O pior é que me pego cantando as músicas no trabalho, no mercado... Um inferno.