sábado, 21 de janeiro de 2012

O novo ano

Um ano pra esquecer ou ser eternamente lembrado? Ainda não sei dizer. Um ano pela metade. Depois do dia 17 de Junho, metade do ano se foi, metade de mim também. Um dia apenas que mudou a história de tanta gente. As pessoas me perguntam como eu vivi depois disso. O amor de minha família, meus amigos, minha namorada e agora mulher, o carinho dos fãs, todos geraram um escudo de proteção, me ampararam a todo momento. Acima de tudo, não perdi a fé. Busquei entender e aceitar. Dói. E muito.
Acontece que a vida me deu um presente lindo por dois anos e dez meses. Deus me deu a chance de viver intensamente, apaixonadamente do lado de meu filho. Um presente tão lindo que ele nasceu no dia dos pais! Num domingo em que miraculosamente estava sem show. Foi o dia dos pais mais lindo e marcante de minha vida!
Tive problemas, noites mal dormidas, estresses, nem tudo foi perfeito, me separei, mas Gabriel foi o norte de minha bússola. Inconscientemente fiz loucuras por ele. Loucuras estas que, tal como no discurso de Steve Jobs, hoje são pontos que ligados formam uma linda estrada que me fez chegar aqui. Como se, de alguma forma, eu também soubesse do que iria acontecer. E assim vivi tudo que queria ao seu lado. Hoje, sinto sua presença em minha alma, mas a saudade do futuro que deixamos de ter juntos me assalta. Graças a Deus, vivi este momento todo sem precisar tomar remédios - não quis, embora não tenha teimado quando o sofrimento foi maior.
Disse adeus a 2011 em um show na Barra da Tijuca, onde ele viveu feliz, e diante do mar que lhe levou em Porto Seguro. O show foi emoção do começo ao fim. A cada música, um filme, uma lembrança do que vivemos. Um adeus, um até breve.
Saber que ele não está mais aqui é importante para mim. Preciso sempre me lembrar disso. Aquele menino agora mora em meu peito e no meu pensamento.
Adeus, 2011. Dizem que 2012 é o fim do mundo. Não. Para mim, é o ano do renascimento.

16 comentários:

Rafaella disse...

Um ano de renascimento, e de crescimento...
O importante é isso, vc não se arrependeu de nada, e dez tudo que pode sempre...
Vc o amou com toda intensidade...
Acho que a despedida sempre acontece, e as lembranças estarão sempre no dia a dia...
O importante é não deixar a saudade e a dor te fazer parar....
Bjs

Vanessa disse...

Que este ano seja ótimo para todos nós, e em especial para você que tanto precisa.
Que você possa começar a viver outra vez, possa começar a ter gosto de viver, mesmo que seja só com um dos lado do seu coração. O outro lado sempre vai faltar, o vazio sempre vai existir, nada pode substituir a não ser o amor e a fé.
Com isso você terá força pra seguir adiante,e seu filhinho será sempre uma luz, uma estrela a brilhar por você.
Pois nada separa o amor, nem a morte, o amor verdadeiro é mais forte que a partida.
te adoro...

Nadir disse...

Com certeza um ano de renascimento! Acredito demais em Deus,e creia que só ele pode te amparar. Claro que a familia, amigos, pessoas queridas sempre ajuda, mas Deus é a força maior e nada acontece sem a permissão dele.

Que esse novo ano tudo se renove em sua vida e nunca esqueça que o Gabriel esta olhando por vc, por isso seja forte que ele sempre terá orgulho do paizão Bruno.


Beijos

Anna disse...

Chorei, como inevitavelmente faco quando passo por aqui...de tristeza e de felicidade, esperanca!
Sinto que vai por um bom caminho e fico feliz, saio daqui renovada e corro beijar meu filho, que Deus permita que sempre fique comigo!
PAz
Anna

Adriana ♣* disse...

É isso aí!

Renascer das cinzas, a Fênix.

Tenho certeza que será um belo renascimento!

;)

Anônimo disse...

Diz Gabriel, diz que vou ver seu sorriso de novo na terra, diz..

Grasi disse...

Um ano de renascimento... que lindo isso. Até mesmo porque é preciso, né Bruno?! E tenha certeza que Gabriel estará presente pra sempre na tua vida, independente de estar ou não fisicamente por perto.
Um 2012 super iluminado pra ti, extensivo à toda tua família...

Fabrica dos princípes e princesa! disse...

Nossa, uma lagrima escorreu na ultima linha do seu post...Ainda mais de ver as fotos do proximo, dos priminhos juntos...

Espero jamais saber de verdade o tamanho da sua dor, não sei se teria maturidade e nem capacidade para perder um dos 4 filhos, mas como mãe eu posso imaginar o quanto dói, e fico feliz por você estar conseguindo, viver um dia de cada vez, lucido do que se passou e aceitando a vontade de Deus! Ele vai te abençoar cada dia mais e essa dor vai aos poucos dar lugar a uma saudade gostosa das boas lembranças que viveram nesses 2 anos e 10 meses!

Fica em paz...Deus te abençoe!

Beijos e Apesar de atrasado, "Um feliz 2012"

Leo Maciel disse...

Bruno,

eu nao sabia que vc tinha filho, eu soube de tudo qdo lí sobre o acidente, e sobre esse blog, q eu lí e me emocionei profundamente com cada palavra e com a forma tão bonita do amor teu pelo teu filho.
me marcou tão profundamente cada palavra cada imagem..e hj por acaso voltei aqui e vejo que de uma forma tão bonita vc segue vivendo. A vida não nos dá opção além a de continuar,,,o amor é latente...e agora ele (teu filho) é inerente a ti, tu não tá pela metade tu tá mais inteiro com ele vivo em cada celula do teu corpo e em cada canto da tua memória. Sorte que tu é artista e vai saber transformar tdo isso em poesia...e ele vivo em ti sempre se menterá alegre. grande abraço.
L.

Camila Acorsi disse...

Como uma apaixonada pelo Biquini e principalmente com vc, desejo que Deus te cubra com muito amor e conforte seu coração sempre. Seus posts são e sempre foram maravilhosos.
O amor incondicional ao seu filho é emocionante, quem dera muitas crianças pudessem ter a oportunidade de ter um pai tão maravilhoso!
Viva o renascimento, pois tenho certeza que muitas coisas boas estão por vir na nova jornada!!
Um super bjo!!

Guilherme Leão disse...

Cara, cada vez que entro no seu blog, nao consigo conter o choro e minha admiração só faz aumentar. Não é possível chegar nem perto do que vc sente, é impossivel. Mas seu amor incondicional pelo pequeno Gabriel me faz ter forças pra vencer a saudade que sinto de meus filhos, que estão longe pela distancia Geográfica de 700km apenas! Um abraço

Patrícia Vermelho disse...

Bruno,

Estava ouvindo algumas músicas suas na internet ontem e por acaso encontrei uma matéria que citava seu blog.
Entrei e admito, fui dormir chorando e muito emocionada.
Pensei em você e no seu Gabriel hoje o dia todo e tenho certeza que, da mesma forma como vc demonstrou seu amor incondicional pelo pequeno Gabriel, vc renascerá para uma nova vida com muito mais força. Talvez não àquela que você esperava ao lado do seu pequeno, mas a vida que já está reservada para vc e que, com certeza virá com muita alegrias e motivos para sorrir e cantar e, acima de tudo, encher de orgulho aquele anjinho que hoje olha por vc do colo de Deus!
Muita força e paz!

Anônimo disse...

Em uma noite li quase todo seu blog. Ri, chorei, chorei... Que Deus continue confortando seu coração, da vovó e de toda a família. E que vc possa renascer dia após dia. Nessa trajetória de saudade.

gabriela disse...

descobri o seu blog hj.. e passei horas em frente o pc, chorando e rindo tb, eu perdi a minha filha sofia no dia 16 de junho de 2011, estava indo pra maternidade pra fazer o parto.. e lah descobrimos q seu coraçaozinho tinha parado de bater.. cada palavra sua eh tudo que sinto.. o natal dificil, os dias 17 que no meu caso sao os 16.. a virada do ano.. bom minha banda preferida eh biquini cavadão.. e eu vou sempre nos shows que tem em goiania.. e uma vez eu fui em um show particular onde vcs tocaram e eu pude entrar no camarim pra tirar fotos, e vc me mostrou fotos do gabriel no celular foi em dezembro ele estava com poucos meses, mostrando seu lado pai coruja. eu tive o primeiro bjo com o pai da minha pequena num show do biquini ouvindo "zé niguem" nem era romantico mas c os puloss acabou ficando!! rsrsr e no dia em que iamos pra o hospital estava tocando vento ventania, sempre cantava pra minha barriga.. principalmente a parte do "you or my shunshine"!! e no outro dia tive a noticia do acidente do gabriel..
no final do ano passado fiz questao d ir no show que vcs fizeram e derramei muitas lagrimas qndo vc mencionou o gabriel e cantou eh impossivel.. tb dediquei a minha pequena sofia! OBRIGADA por fazer parte dos momentos mais incriveis da minha vida.. obrigada pelas suas cançoes que concerteza fazem a maior parte do repertorio da minha trilha sonora! e que um dia possamos intender e enocontramos nosssos anjos novamente!! que deus continue a nos dar forças principalmente em dias quem a saudade aperta mais do que o normal!

abraços fraternos!!

Aventureiros disse...

TE AMO BRUNO.

Lilian disse...

Muita força para você. História emocionante não da minha cabeça e do meu coração. Quando leio esses relatos sinto que preciso ser uma pessoa melhor sempre, porque há coisinhas no mundo pelas quais as pessoas brigam e não valem a pena diante da fragilidade do que é mais importante. Dá para sentir o quanto de amor tem em todos os relatos...que linda essa relação sua com seu pequeno!